Sobre o NoPa

O Programa "NoPa - Novas Parcerias promove a pesquisa orientada por demandas concretas e vincula os projetos de pesquisa a parceiros para o desenvolvimento sustentável no âmbito da política e da prática com o objetivo de contribuir para inovações baseadas na ciência nas áreas prioritárias da cooperação Brasil-Alemanha.

O NoPa é executado conjuntamente pela GIZ, DAAD e CAPES. Essa parceria institucional se caracteriza pela combinação das fortalezas complementares de cada parte em uma parceria equilibrada e com uma divisão de trabalho claramente definida. Desse modo, CAPES, DAAD e GIZ se concentram no que fazem com excelência: as agências de fomento (CAPES e DAAD) acompanham e subsidiam os projetos de cooperação acadêmica; e a GIZ contribui com a mediação entre projetos de pesquisa e os potenciais usuários de seus resultados e, se necessário presta consultoria para que os projetos de pesquisa possam aumentar os seus impactos não-acadêmicos.

No primeiro semestre de 2018, o NoPa está na fase de implementação dos resultados0 dos 5 projetos de pesquisa junto aos parceiros não acadêmicos.

Aspectos Inovadores do Projeto

  • A pesquisa orientada pela demanda dos futuros usuários dos resultados é considerada desde a elaboração do edital.
  • O programa promove novas parcerias entre pesquisadores do Brasil e Alemanha e entre estes e os futuros usuários dos resultados da pesquisa.
  • Os projetos de pesquisa bilaterais são executados e os resultados interessantes, direcionados e amplamente disponibilizados para os setores decisivos nos âmbitos social, político e econômico.

O Processo NoPa

Mais informações sobre a metodologia e os instrumentos do NoPa:

NoPa Toolbox

Parceiros

  • A Divisão de Ciência e Tecnologia (DCTEC) do Ministério das Relações Exteriores (MRE) é responsável pela cooperação bilateral e multilateral nos campos da ciência, tecnologia e inovação. O DCTEC é o parceiro político para a execução do NoPa.
  • O Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI) formula e coordena políticas nacionais para fortalecer a pesquisa científica e o desenvolvimento tecnológico no Brasil. O MCTI é um parceiro político nos projetos Brasil-Alemanha para a promoção da tecnologia para energia héliotermica (CSP).
  • O Ministério das Cidades (MCID) coordena a política nacional de desenvolvimento urbano e auta nas áreas de habitação, saneamento, transporte e mobilidade. O Ministério das Cidades é o parceiros político no projeto Brasil-Alemanha para promoção das tecnologias de biogás.
  • A CAPES (Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior) desempenha um papel fundamental na expansão e consolidação de programas de pós-graduação (mestrado e doutorado) no Brasil.
  • O Ministério Federal de Cooperação Econômica e para o Desenvolvimento (BMZ) da Alemanha formula a estratégia da política de desenvolvimento do governo alemão, conduz o diálogo com os países parceiros e fornece fundos do orçamento federal, comissionando organizações executoras para programas e projetos em todo o mundo. O Programa NoPa é uma contribuição do BMZ para o ano Brasil-Alemanha da ciência 2010-2011. Em cooperação com o Ministério Federal do Meio Ambiente, Conservação da Natureza e Segurança Nuclear (BMU)o BMZ está financiando a Iniciativa Alemã para o Clima e Tecnologia (DKTI).
  • O DAAD (Serviço Alemão de Intercâmbio Acadêmico) é uma associação sem fins lucrativos, cujos membros são 231 instituições de ensino superior e 125 grêmios estudantis da Alemanha. O DAAD apoia a internacionalização das universidades alemãs, promove estudos alemães e da língua alemã no exterior, ajuda os países em desenvolvimento a estabelecer universidades eficazes e aconselha os tomadores de decisão em matéria de política de desenvolvimento, cultura e educação.
  • Comissionada pelo Governo Alemão, a Deutsche Gesellschaft für Internationale Zusammenarbeit (GIZ) GmbH emprega suas capacidades na promoção de soluções eficazes e sustentáveis para processos de mudança política, econômica e social. Seus principais serviços incluem uma competência regional identificada, alto nível de especialização e capacidades de gestão comprovadas.